quarta-feira, 14 de abril de 2010

Evangelho do Dia - 14/04


João 3, 16-21

Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho unigênito, para que não morra todo o que nele crer, mas tenha a vida eterna. De fato, Deus não enviou o seu Filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por ele. Quem nele crê não é condenado, mas quem não crê já está condenado, porque não acreditou no nome do Filho unigênito. Ora, o julgamento é este: a luz veio ao mundo, mas os homens preferiram as trevas à luz, porque suas ações eram más. Quem pratica o mal odeia a luz e não se aproxima da luz, para que suas ações não sejam denunciadas. Mas quem age conforme a verdade aproxima-se da luz, para que se manifeste que suas ações são realizadas em Deus. PALAVRA DA SALVAÇÃO.

2 comentários:

  1. Essa luz.... é claro que é Jesus....
    Quem daria o próprio filho para salvar as outras pessoas???
    Como ainda podemos duvidar do amor de Deus?

    ResponderExcluir
  2. luiz carlos morgado14 de abr de 2010 13:32:00

    o julgamento é este: praticar as coisas que possam ser vistas à luz do dia por todos!

    ResponderExcluir